terça-feira, 17 de maio de 2011

IRS (independent rear suspension).

                 Neste post irei abordar mais detalhes sobre a suspensão traseira.
Com as balanças já posicionadas nos novos pontos de ancoragem, o próximo passo era recriar os pontos de ancoragem dos amortecedores. Na Variant II, o ângulo do amortecedor é de 90° em relação ao eixo, desta forma, o curso do amortecedor fica o mesmo da balança


 Devido ao curso limitado dos amortecedores, resolvi alterar o ângulo para 45°. Assim reduzo em 50% o curso do amortecedor  em relação à balança. Na imagem acima, a simulação do novo ângulo.



     Aqui, o novo ponto de ancoragem do amortecedor que será integrado a estrutura tubular.


Nenhum comentário:

Postar um comentário